sábado, 23 de outubro de 2010

Novas realidades não adianta fugir

Foi suspensa utilização da Lei Não pergunte que eu não digo nos EUA, convem que voltemos nossos olhos sobre um assunto polêmico, as novas relações entre homens e mulheres.É preciso entende-las não pela paixão mas usando a ótica da razão que é sempre mais eficaz para o entendimento do que é novo....
Por Nilton Bonder - Rabino
Um dos elementos da visão tradicional do casamento(ou relacionamento) era o de que homens e mulheres são diferentes e incompletos um sem o outro , só encontrando completude ao se unir às suas contrapartes.. Esta questão é profunda e complexa e não pode ser esgotada aqui. No entanto, sabemos que, nos últimos anos, homens e mulheres vêm descobrindo e explorando partes de si que eram consideradas inapropriadas no passado. As mulheres estão aprendendo a lidar com seus atributos "masculinos" e os homens estão começando a desenvolver e valorizar os aspectos "femininos" de sua personalidade. Pode ser que, com o tempo, possamos encontrar masculinidade e feminilidade complementares dentro de nós, dentro de um grupo e dentro de uma série de relações cujas combinações e possibilidades ainda nos são desconhecidas. Se isto acontecer, então, não será mais verdade que cada um de nós só pode se completar através de uma união com o sexo oposto, mas sim que pode encontrar suas contrapartes e obter completude de uma infinidade de modos.Casamento(relacionamento) é completude antes de mais nada, a evolução natural está nos levando para isso, não é falta de vergonha, carater ou qualquer outra coisa, é preciso abrir os olhos e ver além de nossos preconceitos para entender as novas gerações....

PS- a palavra relacionamento em negrito foi inserida por mim antes que alguns fundamentalistas religiosos digam que estou defendendo casamento religioso gay.

Nenhum comentário:

Postar um comentário